Variante COVID-19: conheça o exame que identifica a variante responsável pela infecção

Variante COVID-19: conheça o exame que identifica mutações

O teste de variantes da COVID-19 é uma excelente forma de avaliar uma das cinco variantes do SARS-CoV-2 de maior importância já circulantes no Brasil. Três delas são classificadas como variantes de preocupação (VOC): P.1 (Amazonas); B.1.1.7 (Reino Unido) e a B.1.3.5.1 (África do Sul). Já as outras duas são brasileiras e nomeadas como variantes de interesse (VOI): P.2 e N.9.

O que são variantes?

Todos os vírus são capazes de evoluir com o passar do tempo, e com o SARS-CoV-2 não é diferente. Chamamos de variantes do vírus quando eles se multiplicam e se modificam, podendo ser mais perigosos ou não. 

Quais variantes da COVID-19 o teste detecta?

Este teste de COVID-19 é capaz de identificar as três variantes de preocupação (VOC) e as duas variantes de interesse (VOI).

Segundo o CDC, o que sabemos sobre essas variantes são as seguintes informações: 

  • B.1.1.7 (Reino Unido): Segundo a agência de saúde pública inglesa (PHE), apresenta cerca de 50% de chance de se espalhar mais rapidamente, podendo ser 60% mais letal que as demais.

  • B.1.351 (África do Sul): Baseado em um estudo da África do Sul, 2% das pessoas que já tinham sido infectadas anteriormente pelo SARS-CoV-2 foram reinfectadas com essa variante. Sabe-se também que a eficácia da vacina AstraZeneca é reduzida para a B.1.351.

  • P.1 (Amazonas): Foi detectada pela primeira vez no Japão e está associada a quadros clínicos mais graves.

  • P.2 e N.9 (Brasil): Ambas apresentam a mutação E484K que fornece ao vírus capacidade de escape da resposta imune.

Como o teste de variantes da COVID-19 é feito?

A amostra é coletada através de swab de nasofaringe e analisada através de biologia molecular, assim como o teste de diagnóstico RT-PCR.

O exame substitui o teste de RT-PCR convencional?

Não. Por sua sensibilidade analítica ser inferior à dos testes moleculares usados para diagnóstico, não é recomendado que o teste de variantes seja realizado para tal finalidade. A principal função do teste de variantes é identificar se o paciente com diagnóstico da COVID-19 tem uma das 5 variantes circulantes já identificadas no Brasil naquele momento.

O exame é indicado para qual paciente?

O teste é indicado para todos aqueles que desejam saber qual variante das cinco principais documentadas no Brasil é a causadora da infecção, desde que possuam resultado positivo de diagnóstico há menos de 10 dias.

Os exames indicados para diagnóstico são: RT-PCR, ID now, RT-LAMP ou antígeno da COVID-19.

Requisitos para realizar o teste Variantes da COVID-19

Para realizar o teste de variantes da COVID-19 não é necessário nenhum tipo de preparo prévio. Recomenda-se apenas que o paciente tenha um diagnóstico positivo para a doença.

Onde fazer o exame?

Para realizar o exame basta escolher o dia e horário de sua preferência através do nosso agendamento online.

O resultado estará disponível em até 72 horas após a coleta.

Dúvidas frequentes

Tire suas principais dúvidas relacionadas ao exame:

O exame é indicado para saber se estou com coronavírus no momento?

Não, como dito anteriormente, o teste de variantes da COVID-19 não é recomendado para indicar infecção ativa no momento.

Não fiz o teste de COVID-19 ainda, posso fazer o exame de variantes?

Não. O ideal é que você apresente o resultado positivo do exame de RT-PCR, ID now, teste de RT-PCR pela saliva ou antígeno para COVID-19 há menos de 10 dias e só assim faça o teste de variantes.

Esses testes são recomendados por serem considerados os melhores na detecção da infecção.

Fiz o teste de coronavírus em outro laboratório, posso realizar o teste de variantes no material colhido lá?

Não, porém se seu teste positivo tem menos de 10 dias, você poderá realizar uma nova coleta do exame de variantes.

O teste pode ser feito em pacientes internados?

Sim, se for solicitado previamente pelo médico responsável, o teste pode ser realizado em pacientes que estejam internados em hospitais que são atendidos pela Dasa.

 

Agende seu exame